---

EMIDIO CARVALHO

---
Emidio Carvalho / Blog / Obsession du jour
A+ R A-
23 Nov

Obsession du jour

Rate this item
(1 Vote)

Muitos de nós vivemos obcecados com um qualquer tema. Dedicamos horas e horas a este tema. Se um chefe de cozinha famoso criasse um menu de obsessões, iria incluir sabores e texturas como:

-       - Estou só, ninguém me ama;

-       - Estou farto, não sei o que fazer;

-       - A minha vida não presta;

-       - Tanta coisa para fazer e sem tempo para tudo;

-       - Preciso de mais dinheiro;

-       - Estou doente, isto pode piorar;

-       - Ninguém me compreende;

-       - As pessoas são más;

-       - Estou perdido;

-       - Não sou capaz;

-      -  Não tenho sorte;

-       - Etc.

Qual é a tua obsessão? A minha, a que ando a alimentar há uns dois meses, é muito requintada. Ando cansado, percebes? Preciso de parar. A sério! Muito, muito cansado. Tão cansado! Não posso parar, mas preciso de parar. E depois? Se parar, o trabalho acumula-se. Mas sinto o corpo cansado e a pedir descanso. Mas já durmo todas as noites, para quê tirar uns dias de descanso? E se parar, não estarei a ser preguiçoso? Valerá a pena tanta correria? Não sei que fazer com este cansaço! Raisparta a cabeça, que não para!

Estes são alguns dos diálogos que passam na minha mente, duas vozes distintas a empurrar em duas direcções diferentes.

Para outros a obsessão é a família, a espiritualidade, a namorada, os estudos, o patrão, a colega.

Que tal pararmos de ser xoninhas e FAZER qualquer coisa em vez de obsecar?

Se a tua obsessão é estar só, sai e mete conversa com estranhos. Algum há-de valer a pena. Se estás cansado, mete baixa. Se tens pouco dinheiro, gasta menos. Se os outros não te compreendem, cala-te! Se queres compreender os outros, faz perguntas e respeita as respostas dos outros. Se a relação em que te encontras não faz sentido, tenta dar sentido à relação que tens contigo.

Seja como for, e por mais difícil que seja aceitar isto, irás morrer. É garantido. Parar, tomar um café, mandar os colegas apanhar ar uns quilómetros abaixo do cu de Judas ou oferecer-te um almoço no Majestic são coisas mesmo boas. Faz uma loucura qualquer (exceptua-se sexo com gorilas, saltar de prédios ou correr à frente de um comboio).

Não és mais ou menos humano porque desfrutas de uma cerveja e torresmos. Não precisas de entoar “Ohm” de cada vez que vais à casa de banho, nem invocar a deusa mãe antes de te entregar aos prazeres carnais.

É ok se outros discordarem daquilo que tu afirmas após cuidada e meticulosa investigação durante uns bons dez segundos.

Em realidade a vida é extremamente fácil quando deixo de dar ordens à vida, aos outros, e me concentro em mim. Saudavelmente egoísta.

Quando cuido dos filhos não é por obrigação, é pelo prazer de cuidar de outros. Quando arrumo a casa não é porque tem que estar limpa, é para eu poder desfrutar de uma casa limpa. Quando o amigo cancela o jantar cinco minutos antes não é porque não me tem em consideração, mas antes porque gosta tanto de mim que me permite que eu mesmo desfrute da minha companhia. Quando ofereço um presente é por mim que o faço, pela satisfação de ser generoso.

A vida não é maravilhosa, linda, deliciosa, uma felicidade constante. Não é. A vida não é justa nem fácil. A vida é o que é. Mas como eu olho para a vida é a causa da minha felicidade ou infelicidade. O que posso fazer por mim para eu estar bem? Enquanto eu não souber cuidar de mim, amar-me, ajudar-me, irei sempre cobrar aos outros. Cobrarei aos outros aquilo que eu não sou capaz de fazer por mim.

Uma filosofia de vida simples e que, pela minha experiência, funciona, é esta: tudo o que está a acontecer é ok, e o que posso fazer eu a seguir?

Tudo é ok. Uma tristeza, uma aflição, um desgosto, uma alegria, uma birra, uma revolta, uma euforia.

Tudo é ok. Mesmo. Eu não mando. A minha opinião é completamente irrelevante. A opinião dos outros, também. E o que é para fazer a seguir? Uma vozinha meio esquizofrénica diz “vai beber um café”.

Ok.

Joomla Templates and Joomla Extensions by ZooTemplate.Com
Last modified on Segunda, 23 Novembro 2015 02:34
Emidio Carvalho

Emidio Carvalho

Ocupação: Educador Emocional
Local: Porto, Portugal

Website: www.escolaviva.eu
Login to post comments

Procurar...

O resgate dos aspectos negados, rejeitados e deserdados do ser humano. Descobrir o ouro por detrás da escuridão.

Comentários

Direitos de Autor

Muitos me perguntam e pedem autorização para usar os artigos do Blog e das Newsletter no sites.

Autorizo a partilha em diferentes sites, desde que respeite as seguintes condições:

  1. Não copiar o texto na sua Integra
  2. Colocar o link da Origem do Conteudo.

O motivo é o facto de os Motores de pesquisa penalizarem o ranking dos sites sempre que detecta conteudo duplicado, ou seja o mesmo texto em diferentes caminhos URL'S.

Mais informações por favor contacte-me.

Emídio carvalho

Estamos aqui

Temos 19 visitantes em linha

Sessoes Individuais

sessoes individuais com emidio carvalho

Contacto

Telemóvel: 916 055 021
Rotunda da Boavista, 60, 3º Traseiras
Porto - Portugal

Se por qualquer motivo não atender, por favor envia sms.

Add me to Skype